Mestrado e Doutorado em Biotecnologia Aplicada à Saúde da Criança e do Adolescente

voltar

 

O Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia Aplicada à Saúde da Criança e do Adolescente conta com laboratórios para pesquisas clínicas e de práticas de ensino localizados na Faculdades Pequeno Príncipe, no Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe e também no Hospital.

Para o desenvolvimento das atividades nas sete linhas de pesquisa, destacam-se também os seguintes espaços:

Faculdades Pequeno Príncipe

  • Laboratório de Habilidades Clínicas e Simulação: possibilita que o aluno vivencie a prática clínica e o processo de cuidado do ser humano em suas diferentes vertentes. O espaço conta com o que há de mais moderno em acervo de modelos anatômicos sintéticos e equipamentos médicos. Destacam-se os manequins simuladores adultos, infantis, recém-nato e o simulador de parto computadorizado, entre outros itens. O laboratório atende as necessidades para as práticas de ensino e permite pesquisas na área.

 

  • Laboratório de Habilidades de Comunicação: possibilita que os alunos vivenciem as atividades de comunicação com o paciente e com colegas, além das situações de estresse experimentadas no cotidiano do trabalho na área da saúde. Permite ao docente e/ou pesquisador a observação indireta do aluno e de sua atuação para fins de ensino e pesquisa.

 

  • Laboratório/Observatório sobre a Saúde no Litoral do Paraná e no Vale da Ribeira: compartilhado com a Secretaria de Estado da Saúde do Paraná, por meio da 1.a e da 2.a Regionais, com os Consórcios Intermunicipais de Saúde da Região Metropolitana e do Litoral, com as secretarias municipais de Saúde da região e prestadores privados e filantrópicos de serviços de saúde que atuam na área. Este Laboratório/Observatório está em fase de organização, mas já disponibiliza dados e informações que servirão de material para projetos de pesquisa dos alunos dos cursos.

 

  • Laboratório/Observatório de Recursos Humanos em Saúde do Paraná: compartilhado com o Núcleo de Estudos em Saúde Coletiva, da Universidade Estadual de Londrina e com a Escola de Saúde Pública da Secretaria de Estado da Saúde do Paraná. Este Laboratório/Observatório integra a Rede Latino-Americana de Observatórios de Recursos Humanos em Saúde, apoiada pela OPAS/OMS e pelo Ministério da Saúde. Funcionou até meados do ano de 2012 junto à UEL, tendo sido transferido para Curitiba recentemente. A cooperação da FPP junto ao Laboratório é recente e foi motivada pela criação do Curso de Pós-Graduação.

 

  • Laboratório de Informática: oferece 20 terminais de computador conectados à internet dispostos em mesas com acomodação para 2 alunos, além de mesa  para o professor, quadro branco e multimídia. O acesso à internet está disponível também pela Rede Wireless de forma gratuita, permitindo que o aluno utilize seu próprio equipamento em todas as áreas da FPP.

 

  • Auditório da FPP: conta com 110 poltronas, equipado com ar-condicionado, mesa de som e microfonia, projetor de multimídia, palco com mesa diretiva e púlpito, além de acesso à rede de Telemedicina/Telessaúde. Este espaço tem servido aos atos formais da graduação, defesas de monografias, dissertações e teses, além de eventos de extensão, palestras, apresentações acadêmicas e teleconferências.

 

Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe

 

  • Laboratório para Análise de DNA: a pesquisa molecular oferece uma vasta gama de ensaios para a identificação e quantificação de produtos de genes específicos, bem como a detecção de DNA microbiano a partir de amostras biológicas de humanos e animais. A reação em cadeia da polimerase (PCR) é o método convencional, o mais utilizado, e emprega equipamentos mais simples (termocicladores). A PCR em tempo real é bastante sensível, específica, muito confiável e mais quantitativa do que o PCR convencional.

 

  • Laboratório de Citometria de Fluxo e outros Imunoensaios: o Citômetro de Fluxo (BD FACS Canto II) e o software de análise Infinicyt™ Flow Cytometry Software 1.6.0 (Cytognos S.L., Espanha) é empregado para análise qualitativa e quantitativa de proteínas. As análises quantitativas de proteínas, hormônios e algumas catecolaminas são realizadas também por meio de imunoensaios com outros tipos de detectores, como, por exemplo, o ELISA.

 

  • Laboratório de Cromatografia: a cromatografia é uma ferramenta analítica utilizada na separação e identificação de moléculas. Os dois tipos mais comuns são a Cromatografia a Gás (CG) e a Cromatografia a Líquido (CL) como, por exemplo, a Cromatografia a Líquido de Alta Eficiência (CLAE ou HPLC – High Performance Liquid Chromatography). Diversos trabalhos de pesquisa têm sido desenvolvidos empregando técnicas cromatográficas, como a avaliação das concentrações sanguíneas de medicamentos como Mitotano (utilizado no tratamento do Tumor de Córtex Adrenal), Vancomicina (antibiótico da classe dos aminoglicosídeos) e Voriconazol (antifúngico). No campo da prospecção de novos fármacos, a integração da Farmacologia com a Fitoquímica tem permitido grandes avanços na identificação de novos compostos com potenciais aplicações em diversas patologias. Já pelo ponto de vista de diagnósticos, vários biomarcadores de diversas doenças são investigados, bem como alterações em perfis proteicos e modificações pós-traducionais são descobertos utilizando ferramentas cromatográficas.

 

  • Laboratório de Cultivo Celular: possibilita que todo o cultivo celular ocorra de forma padronizada, confiável e em acordo com as normas GMP. Desenvolve pesquisas básicas de aperfeiçoamento de técnicas de isolamento, cultivo, expansão e criopreservação de células animais e humanas; assim como o desenvolvimento de biomateriais. O laboratório é composto de uma antessala para paramentação, seguida do laboratório, equipado com três estufas incubadoras com CO2, uma centrífuga para tubos de 15 ml, um refrigerador, dois fluxos laminares e um banho-maria. Anexo ao cultivo celular, esta a sala de microscopia, equipada com microscópio invertido da marca Zeiss (Alemanha) modelo Axio Vert. A1, com sistema de captura de imagem e imunofluorescência. Também fazem parte do espaço uma sala de criopreservação, equipada com equipamento de congelamento programável (Nicool LM 10), e reservatórios criogênicos.

 

Contato

Faculdades Pequeno Príncipe

Av. Iguaçu, 333 . Rebouças - CEP: 80230-020
Curitiba/ Paraná - Brasil

Tel.: +55 41 3310-1500